Vereador é barrado no Pronto Atendimento de Santa Rita

Em Santa Rita do Sapucaí,  o vereador Giácomo Costanti, após receber um pedido de ajuda, para comparecer até o Pronto Atendimento Irmã Filomena Rezende Vilela, em anexo com o Hospital Antônio Moreira da Costa, o mesmo foi até o local.

Chegando lá, após ouvir o relato do munícipe que o chamou, tentou exercer a sua função de fiscalizador(prerrogativa de um vereador), em um local público, mantido com o dinheiro público e foi BARRADO pela enfermeira chefe que disse à atendente: “Vereador está proibido de entrar por ordem da diretoria”.

O vereador Giácomo se dirigiu até a Polícia Militar, juntamente com suas testemunhas, registrou um boletim de ocorrência para providências futuras.

Fato lamentável, pois a principal função de um vereador é fiscalizar e se o mesmo não pode fiscalizar, quem irá fiscalizar? O que tem a esconder?

Veja a notícia no Jornal Notícias do Dia – Clique Aqui

Esse post foi publicado em Geral. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Vereador é barrado no Pronto Atendimento de Santa Rita

  1. Salete disse:

    Dificil hem

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s