Metodologia diferenciada auxilia estudantes em distorção idade/ano no ensino fundamental

Projeto “Elevação da Escolaridade Metodologia Telessala Minas Gerais” atende cerca de 12 mil alunos de 15 Superintendências Regionais de Ensino no estado

A Secretaria de Estado de Educação (SEE) implantou neste ano o projeto “Elevação da Escolaridade Metodologia Telessala Minas Gerais”, em mais uma ação para diminuir progressivamente as taxas de distorção idade/ano dos alunos da rede estadual de ensino.

O objetivo é reduzir as desigualdades educacionais  e garantir o direito de todos à aprendizagem. A iniciativa atende cerca de 12 mil estudantes mineiros com dois anos ou mais de distorção idade/ano de escolaridade em escolas de ensino fundamental.

A iniciativa destina-se a estudantes maiores de 14 anos e menores de 18 anos que apresentem pelo menos dois anos de distorção idade/ano de escolaridade e estudos parciais nos anos finais do ensino fundamental.

Também participam alunos do 6º ou 7º ano que completaram 15 anos de idade até 30 de junho de 2016. O aluno também deve saber ler e escrever. 

“O Estado tinha um programa de aceleração, mas que oferecia pouca diferença no trato com esses estudantes. O nosso objetivo é possibilitar que eles concluam o ensino fundamental, mas com uma metodologia adequada e mais específica para a juventude. Essa juventude para quem a abordagem tradicional da aula não funcionou”

Adelson França Júnior, superintendente de Desenvolvimento da Educação Infantil e Fundamental da SEE 

Diferenciada, a metodologia da Telessala, que é a desenvolvida no projeto, tem como foco a unidocência.  “Esses alunos foram agrupados em uma turma específica e têm um professor que trata de todos os conteúdos. Acreditamos que na unidocência o vínculo com os estudantes é maior e permite uma proposta de trabalho mais interdisciplinar. O aprendizado ganha mais significado”, ressalta Adelson.

De acordo com o superintendente, o  professor escolhido para atuar no projeto tem um perfil específico. “A formação inicial foi a generalista, por isso optamos por um profissional formado em pedagogia. A metodologia propõe a formação continuada desse profissional”, explica Adelson.

Segundo ele, como o projeto já tem uma metodologia desenhada e material de didático próprio, o professor recebe a formação de como conduzir o dia a dia com os estudantes.  “Também contratamos alguns especialistas que  são responsáveis por auxiliar o professor caso ele tenha dificuldade em algum conteúdo em particular”, diz.

Os estudantes que participam da iniciativa este ano são das Superintendências Regionais de Ensino de Almenara, Araçuaí, Barbacena, Coronel Fabriciano, Divinópolis, Januária, Juiz de Fora, Governador Valadares, Montes Claros, Teófilo Otoni, Uberaba, Uberlândia e das Metropolitanas A, B e C.

O superintendente Adelson França Júnior explica os critérios para a escolha das regionais. “Foram nessas Superintendências Regionais de Ensino que localizamos o maior número de estudantes com distorção idade/ ano. Em 2017, pretendemos  ampliar para todas 47 regionais do Estado”. 

Metodologia

O projeto é dividido em três módulos e cada um trabalha um eixo temático. No módulo I, os alunos estudam “O ser humano e sua expressão”, com foco nos componentes curriculares Língua Portuguesa, Ciências e Educação Física.

No módulo II, o eixo “O ser humano interagindo com o espaço” trabalha prioritariamente os componentes curriculares Geografia, Matemática e Ensino Religioso.

Já no módulo III é trabalhado eixo “O ser humano em ação e sua participação social”, no qual são enfatizados os componentes curriculares História, Língua Estrangeira Moderna Inglês e Arte.

A cada módulo, os componentes curriculares são abordados a partir de teleaulas que duram em média 15 minutos e são contextualizados seguindo atividades orais, escritas, de leitura e práticas, coletivas e individuais, adequadas às dúvidas surgidas em sala de aula.bragança

 

Esse post foi publicado em Noticias de Minas Gerais. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s